Facebook cria selo de urgência para portais de notícias

Os veículos de imprensa incluídas no teste poderão colocar um selo de notícia urgente nos Instant Articles, em links para reportagens e em conteúdos no Facebook Live. Eles podem usar o selo uma vez por dia, definindo quanto tempo a história ficará marcada (por no máximo até 6 horas).

As pessoas também poderão fornecer feedback quando não considerarem uma história como notícia urgente, clicando no menu superior direito da publicação. Esse feedback nos ajudará a melhorar a forma como mostramos as notícias urgentes às pessoas.

A última forma pensada por Mark Zuckerberg está sendo testada nos Estados Unidos e permite que veículos selecionados ponham o selo de urgência nas suas publicações.

Por enquanto, apenas jornais nacionais e regionais dos Estados Unidos podem usar a marca para atingir maior alcance e driblar os restritivos algoritmos da rede. A ideia da companhia é expandir o mecanismo para 50 outros portais jornalísticos da América Latina, Europa e Austrália.

Até o momento não foi anunciado se algum grupo de comunicação brasileiro já começou a usar a novidade.